Cinderela

Não sabia muito bem o que fazer e fiz essa unha aí de baixo…

E como era tudo tão holográfico, brilhante e lindo, fiquei meio hipnotizada olhando pra unha (é… estranho, eu sei…) e as cores e o efeito me lembraram uma coisa, algo muito importante na infância de muitas meninas… Cinderela! Lembrei muito do vestido dela!

Lembrei também que uma vez eu vi umas paper dolls das princesas disney no Just Lia, e nesse espírito de infância decidi montar uma, eu adorava essas bonequinhas de papel que a gente ficava trocando as roupinhas! Montei a Cinderela pra combinar com o post, mas já aviso que essas bonequinhas não tem nada a ver com aquelas das revistinhas que a gente recortava, não são tão fáceis de montar, mas ficam bem bonitinhas, olha só a minha!

Coloquei um close da unha, assim dá pra ver melhor o brilho. A bonequinha até que ficou bonitinha, só não sei o que fazer com ela agora! Acho que vou deixar ela por aí até ela desbotar, molhar, amassar… ir parar no lixo reciclado!

Metamorfose holográfica

Essa semana usei o LOL da China Glaze, um mega roxo holográfico, lindão!
Primeiro ele tava assim:

Mas como eu sou inqueita e enjoo rápido das unhas, elas terminaram a semana assim:

Notem que no dedinho tem uma cor diferente, acontece que primeiro eu carimbei usando o Revvvolution da Color Club, mas ficou estranho, aí decidi usar o preto normal pra carimbo, mas até que o efeito ficou legal!

Conversa de Manicure!

Vou mostrar hoje um dos esmaltes da Katy Perry da OPI, é o Teenage Dream, é meio óbvio mas mesmo assim vou colocar o vídeo!

O Teenage Dream é rosinha trasparente, com microbrilho metálico rosa ou prata, ainda não consegui definir! E além disso tem mega glitters holográficos, aí em baixo tá a foto sem foco pra ver o brilho:

 

fora de foco dá pra ver o brilho... é lindo demais esse esmalte, super Katy Perry, super menininha, fofo! Dá pra usar como Top Coat tmb, pena que o meu veio meio grosso... e não quero nem pensar em como vai ser pra tirar tudo isso de glitter da unha! (ah sim! antes que eu esqueça, tá com duas camadas dele puro, sem nenhuma cor de base)

 

Adoooro esse vídeo, me dá muita vontade de ir pra praia e sair pelo mundo sem rumo!

Enfim, é conversa de manicure não é?! Então não acaba aqui, esse post vai ser longo, quase uma monografia hehehe

Além de adorar o vídeo, de a Katy Perry ser referência para as esmaltíticas por aí ela também chama a atenção do público e do mundo fashion pelo seu estilo, quem adivinha qual é?!

Éééé! PIN-UP! Olha só pra capa do primeiro álbum, é pin-up ou não é?!

Pin-up é um assunto e um estilo que me fascina horrores, se eu pudesse me vestia assim! Pra quem não conhece as pin-ups são aquelas mocinhas dos calendários sexys da década de 50 ou 60, se chamam pin-ups exatamente por que eram penduradas (pin-up, em inglês) nas paredes de lugares de machos! Já que essas fotos (ou desenhos) eram eróticas pra época… Vamos a alguns exemplos:

Uma dona de casa...

...outra mostrando apoio aos marinheiros...

...e a Betty Page, referência mor.

Essas são as originais, mas hoje em dia tem muitas atrizes e cantoras que seguem o estilo ou já fizeram algum ensaio fotográfico inspirado no tema, tem claro, a

Katy Perry...

...a Dita Von Teese, pin-up contemporânea, ex do Marilyn Manson...

...a Evan Rachel Wood, atual do Marylin Manson...

...a Scarlet Johansson, que não tem nada a ver com o Marylin Manson...

Todas lindas de dar inveja não é?! e o que algumas delas tem em comum?

Elas cantam! (tá, a Dita Von Teese não…)

Tá que a Scarlet só gravou um álbum e todo mundo falou mal, mas… tá contando:

E ainda tem mais, tem cantoras e bandas. A Kate Nash tem uma pegada pin up só que mais contemporânea, tá mais pra retrô do que pin up. E as Pippettes já vão fundo no pin up!

E aí? Gostaram?

Btw, as pipettes hoje são duas, e não três, os vídeos que eu coloquei delas e da kate nash são do primeiro álbum delas, agora se vcs procurarem por aí vão achar as músicas novas, vale a pena conferir!

*acho que nenhum vídeo tá funcionando por causa do chato do youtube… cliquem lá no ‘assistir no youtube’, fazer o que! A intenção é a que vale não é?!